Manauaras relatam tremores em prédios após registro de terremoto na Venezuela

Prédios da capital foram evacuados após terremoto na Venezuela. Um terremoto de magnitude 7.3 atingiu a costa norte do país, no fim da tarde desta terça-feira (21)

Gisele Rodrigues e Stephane Simões / redacao@diarioam.com.br

Manaus – Um terremoto de magnitude 7.0 atingiu a costa norte da Venezuela, no fim da tarde desta terça-feira (21), e foi possível sentir os tremores em vários pontos de Manaus, segundo informações de moradores e trabalhadores ouvidos pela reportagem do PORTAL D24AM. De acordo com a Agência Geológica Norte Americana (USG), um terremoto de magnitude 7.3 foi registrado na Venezuela, a 20 km de Yaguaraparo.

Manauaras relataram tremores em vários pontos da cidade e evacuam prédios por medidas de segurança. Segundo a recepcionista Rayana Albuquerque, os médicos do Centro Médico e Odontológico de Manaus, na Rua Acre, bairro Nossa Senhora das Graças, zona centro-sul, evacuaram o prédio por medida de segurança.

“A maioria dos médicos desceram, eles disseram que tremeu muito e foi demorado. Eu estava no térreo, então não senti. Mas eles relataram que chegou a balançar as cadeiras e quadros. O condomínio, que fica aqui ao lado, chegou acionar o alarme de segurança”, contou.

No Empire Center, na Avenida Constantino Nery, médicos que realizavam atendimento também tiveram que interromper os trabalhos e evacuaram o prédio. A paciente Andreia Monteiro conta que estava na clínica aguardando atendimento quando sentiu o tremor.

“Eu achei que estivesse com tontura. Foi um tremor forte, as cadeiras iam de uma ponta a outra. Meu marido me ligou informando que sentiu, na Cidade Nova, pois a água da piscina também balançou”, relatou. Os tremores também foram sentidos nos bairros Ponta Negra, Chapada, Parque Dez, Dom Pedro, Centro, Adrianópolis, Nossa Senhora das Graças e outros.

A servidora pública, Márcia Prado, 46, disse que estava no 13° andar de seu apartamento, no bairro Adrianópolis quando sentiu o prédio balançar.  “Senti tremer. Pensei que estivesse tonta. Todo mundo desceu, mães com filho no colo, até uma morador de cadeira de roda. Os lustres começaram a balançar e as cortinas, durou uns três minutos”, disse.

Em um condomínio no bairro Dom Pedro, na zona oeste de Manaus, o síndico do prédio, Theo Ferreira, 33, disse que demorou a conseguir uma orientação da Defesa Civil. Os telefones, segundo ele, estavam ocupados.

“Muitas pessoas saíram do prédio, ficaram assustadas. Como não sabia se continuaria a tremer, preferi ligar pra acionar os bombeiros, ou a Defesa Civil”, afirmou. Segundo ele, o órgão alegou que o Serviço Geológico informou que não havia problemas em retornar para os apartamentos, desde que não houvessem problemas aparentes, como rachaduras.

Já o Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM) registraram até o início da noite desta terça um total de 15 chamados e orienta que o uso de elevadores deve ser evitado, até que uma equipe da corporação autorize a liberação.

Segundo o CBMAM, foram recebidos acionamentos para prédios no Centro, Chapada, Dom Pedro e na região da Ponta Negra, além de ter recebido solicitação de apoio por parte da Polícia Militar (PM), em que moradores da Avenida Jacira Reis estavam muito assustados com os tremores.

A Central 199 da Defesa Civil Municipal também recebeu ligações sobre o tremores nos prédios, mas, segundo o órgão, não houve nenhum registro de desabamento. De acordo com a Defesa Civil, nesses casos o primeiro atendimento é do Corpo dos Bombeiros que aciona os órgãos competentes para o devido atendimento.

Tremor de terra na Venezuela é sentido em Manaus

Um terremoto de magnitude 7.3 atingiu a Venezuela, no fim da tarde desta terça-feira (21), e manauaras relataram tremores em vários pontos da capital. Confira o vídeo. Saiba mais: ow.ly/O31e30lv9Ri

Posted by D24am on Tuesday, August 21, 2018