Primeiro navio da Temporada de Cruzeiros chega em Manaus com 800 turistas

Ao todo, são esperados mais de 21 mil turistas estrangeiros que visitarão a cidade neste período em uma programação que dura em média, um pernoite

Com informações da assessoria / redacao@diarioam.com.br

Manaus – O primeiro navio da Temporada de Cruzeiros 2017/2018 atracou nesta sexta-feira (22), no Porto de Manaus, trazendo 800 turistas, a maioria de nacionalidade francesa. A chegada do Astoria, embarcação, da Cruise and Maritime Voyages, abre uma programação de entrada navios internacionais no estado que se estende até maio do ano que vem.

Ao todo, são esperados mais de 21 mil turistas estrangeiros que visitarão a cidade neste período em uma programação que dura em média, um pernoite. A perspectiva da Empresa Estadual de Turismo no Amazonas (Amazonastur) é de que os turistas dos cruzeiros deixem cerca de R$ 40 milhões no mercado. O turista de cruzeiros é o mais rentável, o perfil é acima de 60 anos e com maior poder aquisitivo, gastando em média 300 dólares por dia.

Temporada deve injetar pelo menos R$ 40 milhões na economia local (Foto: Arquivo/Amazonastur)

Os cruzeiros são os principais meios indutores de turistas estrangeiros no Brasil, movimentando a economia, além de garantir uma receita cambial de variação positiva para o País. De acordo com dados da Gerência de Registro e Fiscalização (GRF) da Amazonastur, a temporada 2017/2018 deve injetar pelo menos R$ 40 milhões na economia local, principalmente no município de Parintins e na região metropolitana de Manaus.

Esta é a primeira vez que o Astoria entra na rota amazônica de cruzeiros. Dos 21 navios, cinco aportarão pela primeira vez no Porto de Manaus nesta temporada, segundo informou a GRF. O último navio a aportar em Manaus será o Bremen, previsto para o dia 02 de maio de 2018.

Para a presidente da Empresa Estadual de Turismo (Amazonastur), “as temporadas de cruzeiros são sempre um período muito importante do ano não apenas para o turismo, mas também, para outros setores, como a economia principalmente. Além, de ser uma oportunidade em apresentar à população estrangeira, o que temos de melhor em relação à cultura, gastronomia e recursos naturais”, afirmou Oreni Braga.

Na temporada passada (2016/2017), mais de 24 mil turistas passaram por Manaus, em 21 navios. Para este ano, é previsto um decréscimo de 11,61% no fluxo de turistas, devido a substituição das maiores embarcações por navios de menor capacidade, que incluem o Amazonas como ponto de parada em seus roteiros de viagem.

O navio Fram com 318 turistas é o próximo a aportar em Manaus, no dia 15 de outubro. As maiores quantidades de turistas vem nos navios Maggelan com quase 1.500, em janeiro e no Crystal Serenity acima de 1 mil, em novembro. A maioria dos turistas de cruzeiros é proveniente dos Estados Unidos e Europa.

Nesta sexta-feira, os turistas participam de um Citytour com visitas ao Largo São Sebastião, Palácio Rio Negro, Bosque da Ciência e Mercado Municipal e encerram o dia com apresentação exclusiva da Amazon Band Jazz, no Teatro Amazonas.

Na programação estão visitas ao Encontro das Águas, Lago do Janauary Vila Paraiso (Seringal) e Ritual indígena próximo ao Tupé e Lago do Guedes (caminhada na selva).