Morre José Azevedo, fundador da TV LAR, aos 84 anos

O presidente e fundador do grupo TV LAR, José Azevedo, morreu neste sábado (23), vítima de uma embolia pulmonar, em São Paulo

Beatriz Gomes

Manaus – Familiares, amigos, autoridades e funcionários se despediram do fundador do grupo TV Lar, José dos Santos Azevedo, 84, no Luso Sporting Club, no Centro de Manaus, neste domingo (24). Um dos principais empresários da região e cônsul honorário de Portugal no Estado, José Azevedo estava internado em São Paulo, há dez dias, após cirurgia, quando sofreu embolia pulmonar, no sábado, à tarde, e não resistiu. O sepultamento está marcado para esta segunda-feira (25), às 10h, no cemitério São João Batista.

Familiares, amigos, autoridades e funcionários se despediram do fundador do grupo TV Lar, José dos Santos Azevedo (Foto: Arquivo)

Na cerimônia, em nota, o filho do empresário, Antônio Azevedo, falou sobre o legado deixado pelo pai. “Meu pai foi minha inspiração. Ele nos deixou uma herança que transcende, em muito, o material. Um exemplo de esposo, pai, empresário e cidadão através da humildade, honradez, trabalho, dedicação e determinação”, disse. José Azevedo deixou a esposa, Zuila Azevedo, quatro filhos e nove netos.

Membros da comunidade portuguesa em Manaus e funcionários do grupo TV Lar também prestaram as últimas homenagens. “Ele conhecia todos pelo nome e visitava todas as lojas no fim de semana”, contou uma das funcionárias do grupo, Hiolanda Correa.

Nascido em 1933, em Portugal, o empresário chegou ao Amazonas com a família em 1934 e comandou uma das maiores redes de comércio do Estado, que completou 54 anos de fundação, dia 6 de fevereiro de 2018.

José Azevedo também ocupava os cargos de vice-presidente do conselho superior da Associação Comercial do Amazonas (ACA) e foi presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL). Para o presidente da ACA, Ataliba David Filho, o empresário foi um protagonista da história do Estado. “Era o maior expoente do empreendedorismo do Amazonas. Ele circulava pelos três setores da economia, gerando emprego e renda, e isso era o que o tornava especial”, ressaltou.

Prefeitura, governo e diversas instituições empresariais do Amazonas emitiram notas de pesar pelo falecimento.

Atualmente, o grupo TV Lar possui 37 lojas na capital e no interior do Amazonas e sete no Estado de Roraima, e emprega 3 mil trabalhadores diretamente.