Revista nacional destaca investimentos de Manaus em iluminação pública à LED

Além do destaque à iluminação, publicação na revista Exame cita a capital amazonense como uma das cidades do Norte do Brasil que busca soluções inteligentes para demandas da sociedade

Manaus – Os investimentos em iluminação pública à LED ganharam destaque nacional com a publicação desta semana da revista Exame, que cita a capital amazonense como uma das cidades do Norte do Brasil que buscam soluções inteligentes para demandas da sociedade.

 

Segundo o prefeito de Manaus, Arthur Neto, as melho

Manaus já conta com 42.268 pontos de iluminação em LED instalados e ainda 11.242 luminárias de vapor metálico (Foto: Divulgação)

rias em iluminação pública na cidade, além de beneficiar a população, também geram economia aos cofres públicos. “Essa é a nossa contribuição com a segurança pública, porque uma rua bem iluminada inibe a ação de bandidos”, destacou.

O prefeito citou, ainda, a relação custo-benefício da substituição das lâmpadas de vapor a sódio (luz amarelada) pelas novas luminárias em LED. “As lâmpadas de LED são mais eficientes, duram muito mais e consomem menos energia. Ao longo dos anos, essa matemática se torna muito favorável ao município”, pontuou Arthur Neto.

De acordo com a Prefeitura, a capital amazonense já conta com 42.268 pontos de iluminação em LED instalados e ainda 11.242 luminárias de vapor metálico (luz branca), representando uma melhoria de 41,5% na iluminação pública de Manaus.

Empreendorismo

Segundo a Prefeitura, outro dado relevante apontado na matéria se refere ao empreendedorismo. A cidade se destaca pela presença de parques tecnológicos e a retomada da Zona Franca com melhores perspectivas para indústrias, o que faz da cidade um expoente econômico.

Manaus apresenta uma taxa de crescimento de 14% em empresas de tecnologia, 4% em empresas de economia criativa e 18% nas microempresas, graças ao desenvolvimento de incubadoras.

Outras cidades do Norte também se destacam na lista de capitais, como é o caso de Belém (PA), que detém o primeiro lugar da região em tecnologia e inovação. Roraima (RR) também aparece como destaque no setor de energia elétrica.