Programa vai auxiliar famílias na construção e reconstrução de imóveis

Manaus – A partir de novembro, a população de baixa renda de Manaus vai poder solicitar um projeto técnico de construção e também de reconstrução de sua casa através do projeto Sempre ao Seu Lado – Habitação, da Prefeitura de Manaus. Assim, de acordo com o município, o cidadão poderá ter a base dos documentos necessários para dar entrada em seu imóvel e regularizá-lo junto aos órgãos públicos.

O Sempre ao Seu Lado é executado pela Subsecretaria de Habitação e Assuntos Fundiários (Subhaf) da Casa Civil e será mais um dos meios empregados para desburocratizar o processo de regularização de imóveis próprios na cidade, segundo a Prefeitura de Manaus. O projeto técnico das obras será preparado por engenheiros e arquitetos da Prefeitura.

Segundo a Prefeitura, além de incentivar população a regularizar  seus imóveis, dentro de sua política de habitação, o governo municipal entregou nos últimos três anos e meio 204 unidades residenciais no Jorge Teixeira, zona leste. As habitações foram entregues dentro do Programa de Desenvolvimento Urbano e Inclusão Socioambiental de Manaus (Prourbis).

“Em 2013, foram entregues duas áreas habitacionais, sendo 68 apartamentos na área habitacional AH3 denominada Residencial Helso do Carmo Ribeiro e 20 apartamentos na AH1-A, chamada de Residencial Deputado Estadual Francisco Queiroz. Já em 2014, mais 116 unidades novas unidades foram entregues, ajudando a mudar a realidade dessas famílias, com 88 apartamentos inseridos no Residencial Avelino Pereira e 28 no Residencial Manoel Meireles. Destes, 14 são unidades mistas, criadas para atender as necessidades dos moradores do bairro que atuam na área de comércio”, explicou o subsecretário de Habitação do Município, José de Arimatéia.

Atualmente, segundo a Prefeitura, o município aguarda a finalização de análise da Caixa Econômica para a seleção das famílias que vão morar no Residencial Cidadão Manauara 1, no bairro Santa Etelvina, zona norte. O Residencial Manauara 1 está concluído e possui 784 apartamentos, divididos em torres.

Dentro da Política de Regularização Fundiária da Prefeitura, foram entregues 3.100 títulos definitivos, possibilitando aos proprietários a comprovação de posse de seus imóveis.