Banco do Brasil vai destinar R$ 50 mi no Amazonas para o Plano Safra

De acordo com o superintendente estadual do BB, Dermilson Garcia Souza, o valor é o dobro do ano passado

O banco vai destinar R$ 16 milhões para financiar a agricultura familiar (Foto: Divulgação)

Manaus – O Banco do Brasil (BB) anunciou, nesta terça-feira, que vai destinar R$ 50 milhões para operações de crédito rural na safra 2017/18 para os produtores do Amazonas, o dobro do valor desembolsado na última safra, informou o superintendente estadual do BB, Dermilson Garcia Souza.

Desse total, o banco vai destinar R$ 16 milhões para financiar a agricultura familiar e os médios produtores rurais e R$ 34 milhões para atender aos grandes produtores do Amazonas.

Desde o primeiro dia da nova safra, em 1º de julho, as agências do BBB estão contratando operações com as mudanças e inovações implementadas pelo governo federal.

Em todo o País o BB vai destinar R$ 103 bilhões de recursos para a safra 2017/18. Desse total, R$ 11,5 bilhões serão destinados para as empresas da cadeia do agronegócio e R$ 91,5 bilhões em crédito rural aos produtores e cooperativas. Do montante, R$ 72,1 bilhões serão direcionados para operações de custeio e comercialização e R$ 19,4 bilhões para créditos de investimento agropecuário.

Em Brasília, o presidente do BB, Paulo Caffarelli, exaltou a participação do agronegócio para a recuperação da economia brasileira. “O agronegócio tem sido fundamental no esforço de retomada”, disse, citando o avanço de 13,4% do setor no Produto Interno Bruto (PIB) do primeiro trimestre deste ano, que subiu 1% na margem.

“O agronegócio também contribuiu para o saldo da balança comercial”, ao citar o aumento das exportações. A balança teve superávit de US$ 36,219 bilhões, nos primeiros seis meses do ano. As declarações foram dadas durante discurso no lançamento do Plano Safra.