Feiras fixas e volantes movimentam economia e atraem manauaras

Segundo a Subsecretaria Municipal de Abastecimento, Feiras e Mercados (Subsempab), a capital do Estado conta com 35 feiras fixas e duas volantes, sendo estas com funcionamento entre terça-feira e sábado

Bruno Mazieri / redacao@diarioam.com.br

Manaus – Mesmo com o crescimento das grandes redes de supermercados na capital do Estado, os manauaras ainda possuem o hábito de frequentar feiras, sejam elas fixas ou voltantes. Atualmente, a Subsecretaria Municipal de Abastecimento, Feiras e Mercados (Subsempab) administra 35 feiras fixas, duas volantes (nas zonas sul, centro-sul e centro-oeste) e nove mercados.

Atualmente, a Subsecretaria Municipal de Abastecimento, Feiras e Mercados (Subsempab) administra 35 feiras fixas (Foto: Bruno Mazieiri/Divulgação)

Uma das mais antigas da cidade, a Feira da Aparecida, existe há mais de 30 anos e é montada toda terça-feira com funcionamento das 7h às 20h. De acordo com Júlio César de Souza, administrador da feira, cerca de 4 mil pessoas trafegam pelo local que ocupa as ruas Coronel Salgado e parte da Monsenhor Coutinho.

“Os feirantes chegam por volta das 3h/4h da terça-feira para começar a montagem das barracas e, a partir das 7h, começa o funcionamento”, explica ele. Atualmente, a feira conta com 235 permissionários. Ele salienta que a novena na Igreja de Nossa Senhora Aparecida ajuda no fluxo de consumidores.

“A primeira missa é realizada às 5h e, logo depois, ela é realizada a cada uma hora. Como a igreja fica todo tempo lotada, ajuda na comercialização dos produtos que, em sua maioria, são de hortifrutigranjeiro, mas também contam com barracas de bijuterias, carnes, peixes e de café da manhã. Vende de tudo”, comenta.

Entre os permissionários mais antigos está Getúlio Nery, 58. Ele trabalha no local há 21 anos. Sua barraca vende farinha e goma de tapioca, pé de moleque, bolo de milho, broa, mingau e a tapioca já pronta para consumo.

“Chegamos para montar na madruga e o movimento começa por volta das 6h. O que mais vendo é a tapioca prontinha, mas não sei ao certo a quantidade”, explica. Como ele faz parte da feira volante da zona sul, Nery também trabalha no bairro Praça 14, às quintas e no bairro Cachoeirinha, aos sábados.

Antônio Penha, 57, trabalha na Feira da Aparecida há 22 anos. Sua especialidade é o comércio de produtos naturais. “Vendo todo tipo de ervas naturais. O que mais tem saída, atualmente, é a planta unha-de-gato. A mulherada compra para tratar miomas e ovários policistícos, por exemplo”, diz ele. Energéticos naturais como guaraná e miratã também estão na lista dos mais consumidos pelos frequentadores da feira.

Apesar da crise econômica, Penha afirma que é um ‘sobrevivente’. “Trabalhamos por conta própria e, por isso, somos sobreviventes. Dá para gente comer, tirar a comida de todo dia”. Ele também atua aos sábados, no bairro Cachoeirinha e na Feira de Artesanato da Eduardo Ribeiro, aos domingos.

Moradora do bairro de Aparecida há 20 anos, Maria de Lourdes, 56, revela que quase toda semana está no local. “É muito mais prático do que ir ao supermercado. Além disso, as frutas e verduras são de boa qualidade e aproveita para tomar café da manhã com uma tapioca quentinha”, brinca.

Confira abaixo a lista com a feiras fixas e volantes, além dos mercados da cidade:

FEIRAS FIXAS

Feira Municipal Armando Mendes (bairro Armando Mendes)

Feira Municipal Coberta do Jorge Teixeira (bairro Jorge Teixeira)

Feira da Conquista (bairro Grande Vitória)

Feira Municipal Nova Esperança (bairro Colônia Antônio Aleixo)

Feira Municipal do Produtor da Zona Leste (bairro Jorge Teixeira)

Feira Municipal do São José 2 (bairro São José 2)

Feira do Mutirão (bairro Amazonino Mendes)

Feira Municipal do Coroado 3 (bairro Coroado 3)

Feira Municipal da Compensa 2 (bairro Compensa 2)

Feira Municipal do Quarentão (bairro Compensa 2)

Feira Municipal do Jardim dos Barés (bairro São Jorge)

Feira Municipal da Glória (bairro Glória)

Feira Municipal do Produtor do Santo Antônio (bairro Santo Antônio)

Feira Municipal da Alvorada 1 – Ceasa (bairro Alvorada 1)

Feira Municipal da Alvadora 2 (bairro Alvorada 2)

Feira Municipal do Bairro da Paz (bairro da Paz)

Feira Municipal João Sena (bairro Alvorada 1)

Feira Municipal do Parque Dez (bairro Parque Dez)

Feira Municipal da Japiinlândia (bairro Japiinlândia)

Feira Municipal do Japiim 1 (bairro Japiim)

Feira Municipal do 40 (Igarapé do 40)

Feira Municipal da Raiz (bairro Raiz)

Feira Municipal da Banana (Centro)

Feira Municipal da Betânia (bairro Betânia)

Feira Municipal Polivalente (bairro Japiinlândia)

Feira Municipal da Maués (bairro Cachoeirinha)

Feira Municipal São Francisco (bairro São Francisco)

Feira Municipal da Panair (bairro Educandos)

Feira Municipal Manaus Moderna (Centro)

MERCADOS MUNICIPAIS

Mercado Municipal Araújo Lima (bairro Glória)

Mini Shopping da Compensa (bairro Compensa)

Mercado Municipal Dorval Porto (bairro São Geraldo)

Mercado Municipal Adolpho Lisboa (Centro)

Mercado Municipal Carneiro da Mota (Morro da Liberdade)

Mercado Municipal Jorge de Moraes (bairro Educandos)

Mercado Municipal Maximino Corrêa (bairro Praça 14)

Mercado Municipal Senador Cunha Melo (Centro)

Mercado Municipal Walter Rayol (bairro Cachoeirinha)

FEIRA VOLANTE DA ZONA SUL

Terça-feira – Rua Coronel Salgado, Aparecida

Quarta-feira – Rua Barcelos, Centro

Quinta-feira – Rua Aripuanã – Praça 14

Sexta-feira – Av. Joaquim Gonzaga Pinheiro – Centro

Sábado – Rua J Carlos Amorim – Cachoeirinha

FEIRA VOLTANTE DAS ZONAS CENTRO-SUL E CENTRO-OESTE

Quarta-feira – Conjunto Eldorado

Quinta-feira – Centro Comercial Campos Elíseos

Sexta-feira – Bola do Parque Dez

Sábado – Alvorada 3