Venda de veículos no Amazonas cresce 28%, aponta Fenabrave

De acordo com dados da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), no Amazonas, o aumento chegou a 28,41%, quase o dobro da média nacional, 14,91%

Beatriz Gomes e assessoria

Manaus – A estabilidade dos índices de confiança e da inadimplência nas vendas de veículos elevaram os emplacamentos em agosto. De acordo com dados da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), no Amazonas, o aumento chegou a 28,41%, quase o dobro da média nacional, 14,91%.

De acordo com o levantamento, em agosto, os emplacamentos de veículos, que incluem automóveis, comerciais leves, caminhões, ônibus, motocicletas, implementos rodoviários e outros, somou 4,8 mil unidades no Estado, uma alta de 28,41% com relação a julho e de 14,71% comparado a agosto do ano passado. No País, foram 352,4 mil unidades, 15,45% acima de agosto de 2017.

Revenda do setor no Estado se mantém acima da taxa nacional. (Foto: Reinaldo Okita)

No acumulado de janeiro a agosto, foram 31 mil unidades comercializadas, 25% acima do mesmo período do ano passado. Já no Brasil, foram 2,3 milhões de veículos emplacados, 13,2% acima do mesmo intervalo de 2017.

Para o presidente da Fenabrave, Alarico Assumpção Júnior, o desempenho de agosto reafirma a expectativa de estabilidade do setor para o ano. “Embora o cenário político esteja indefinido, o que nos impede de ter uma visão mais clara sobre seus efeitos na economia nos próximos meses, o mercado tem se comportado da forma esperada. A primeira quinzena de agosto já demonstrava um aquecimento nas vendas, em comparação com o mês anterior. Este desempenho positivo tem, como pilares, a estabilidade dos índices de confiança e da inadimplência no Setor da Distribuição”, explicou Assumpção Júnior.

Com 23 dias úteis, a média diária de vendas de agosto apresentou alta de 9,9% ante a média de julho. “Esse resultado é relevante pois, mesmo com mais dias úteis, a média diária foi ainda maior”, afirmou, lembrando que, em dias corridos, essa média foi 14,91% maior que a de julho.

Automóveis e comerciais leves

Nos segmentos de automóveis e comerciais leves, que correspondem a 63% do total comercializado no Amazonas, a alta nas vendas foi de 29,29% em agosto sobre julho, um total de 3,1 mil unidades. Com relação a agosto do ano passado, a alta foi de 20,92%. No País, o crescimento médio desse segmento foi de 14,73% com relação a julho e de 14% comparado a agosto de 2017.

No acumulado dos oito meses do ano, o aumento foi de 29,82% no Estado, enquanto no País, esses segmentos cresceram 14,13%.

Os emplacamentos de motos no Estado também aumentaram, em agosto, 27,43% comparado a julho e de 2,92%, com relação a agosto de 2017.