Amazonas entra na campanha do ‘Dia D’ de Combate ao Aedes aegypti

Na  sexta-feira, o Brasil  estará mobilizado no ‘Dia D’ de Combate ao Aedes aegypti, transmissor da dengue, zika vírus e da febre chikungunya. A mobilização é o ponto de partida da campanha  para intensificar as ações de prevenção ao mosquito. No Amazonas, a Praça Heliodoro Balbi será o ponto central do evento, que contará com a presença do ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, e autoridades locais.

Cresce o número de pessoas sem rendimento no Estado

Acrise econômica trouxe mais um componente negativo para o Amazonas. Em um ano, o número de pessoas sem rendimento cresceu 12,26%, aponta o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O cálculo considera que há dois anos, 758 mil pessoas não tinham rendimento no Estado, número que avançou para 851 mil no ano seguinte, impulsionado por pessoas que perderam o emprego. Esse retrato mais cruel da recessão contribui para fragilizar as contas da Previdência no Amazonas, tradicionalmente superavitária, pelo número de pessoal empregado, especialmente na indústria e no comércio, em relação a outros Estados. Com a crise, o número de pessoas empregadas que não contribuem para o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) aumentou. Em 2014, 52,4% da população ocupada com 15 anos ou mais não contribuíam para institutos de previdência. Em 2015, esse índice passou para 53,8%, mostram os dados  mais recentes da Pesquisa Nacional de Amostra por Domicílio (Pnad Contínua).

Censo educacional

O Ministério da Educação liberou R$ 324 mil de um convênio firmado com a Secretaria de Estado da Educação  (Seduc) destinado para execução do censo educacional, da preparação a divulgação dos resultados e realização de atividades de controle de qualidade das informações.

Inquérito

O Ministério Público Federal (MPF) instaurou um inquérito civil para apurar denúncias de irregularidade em um convênio firmado, em 2012, entre o Ministério da Integração Nacional e a Prefeitura de Manacapuru, para  ações de atendimento emergencial de socorro e restabelecimento de serviços essenciais.

Ação Pró-Amazônia

As entidades da indústria da Região Norte e os seus  parlamentares se reúnem, em Brasília, para celebrar os 25 anos da Ação Pró-Amazônia, que tem servido para apontar os entraves e as alternativas para a melhoria do ambiente de negócios na região.

Emplacamentos

Mesmo na crise, o número de motocicletas aumentou 5% nos últimos 12 meses, segundo dados do Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM). Em outubro de 2015, o número de motos era de 279,9 mil veículos e, no mês passado, totalizou 294,4 mil veículos.

Ao vivo

A Assembleia Legislativa do Estado (ALE) publicou, na última sexta-feira, uma ata de registro de preço para aquisição de 30 rádios transmissores pelo valor  unitário de  R$ 5.445. A mesma ata cita, ainda, aquisição de 40   microfones de lapela, ao valor unitário de R$ 495.

Passagens

A Prefeitura de Santa Isabel do Rio Negro aderiu a uma ata de registro de preço para compra de passagens aéreas e fretamento de aviões, no valor total de R$ 802 mil. O extrato de contrato foi publicado no Diário Oficial dos Municípios.

Pivô

Um imóvel no prédio pivô da demissão do ministro da Cultura, Marcelo Calero, custa de R$ 2,6 milhões a R$ 4,7 milhões, segundo corretores de Salvador ouvidos pelo Congresso em Foco.

‘Gravar um presidente é algo quase indigno’

“Gravar um presidente da República é desarrazoável, quase indigno”, disse o próprio Temer, ao pedir a gravação de suas audiências. “Aproveitando essa gravação clandestina, talvez façamos desse limão uma limonada institucional”, completou o presidente.

Agora, Maia nega desejo de anistiar crimes eleitorais

“Nas discussões com os líderes, nossa intenção jamais foi anistiar crime. Óbvio que quando se fala em anistia, não se fala em crimes eleitorais, como foi feito no projeto de repatriação”, disse o  presidente da Câmara, Rodrigo Maia.