Cobrador de micro-ônibus é executado com 15 tiros na zona leste de Manaus

Carla Albuquerque – DEZ Minutos / portal@d24am.com


Manaus – O cobrador de micro-ônibus alternativo Renan Simões Moraes, 24, foi executado, na noite de quarta-feira (21), com 15 tiros. O crime ocorreu na Rua Barreirinha, no São José 3, zona leste de Manaus; e segundo familiares, foi praticado por dois homens que fugiram em uma motocicleta.  A família suspeita que a vítima foi morta por vingança.

Na manhã de hoje (22), a irmã de Renan, de 28 anos, que preferiu não ser identificada, disse que o rapaz voltava do trabalho para a casa do pai. Segundo moradores da área, quando o cobrador foi atravessar a rua, por volta das 22h, foi interceptado pelos motoqueiros.

Ao todo, segundo registro da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), Renan foi morto com 15 tiros, sendo atingido na cabeça, abdômen e braços. A irmã informou que, no local onde o rapaz morreu, foram encontrados cápsulas de pistola calibre 380.

“Meu irmão era gente boa. O erro dele foi trabalhar como cobrador nesse ônibus. Essa foi a perdição dele”, disse a irmã, ressaltando a suspeita que Renan pode ter sido morto por conta de alguma briga ou discussão com funcionários de outra empresa de ônibus alternativo.