Com terminais vazios, comerciantes registram prejuízos

Laís Motta / portal@d24am.com


Manaus – Os terminais das zonas norte e leste estavam praticamente vazios na manhã desta terça-feira (17), emfunção da greve dos rodoviários. Muitas barracas de vendedores ambulantes estavam fechadas nos terminais T3, na Cidade Nova, zona norte, e T4, no Jorge Teixeira, zona leste. Os poucos ambulantes que resistiram em ir para casa mais cedo registraram prejuízo.

A comerciante Cleide da Silva, 36, vende salgados no T4 e faturou pouco na manhã de hoje. “Eu não sabia que tinha greve hoje. Se soubesse, não tinha nem mandado fritar os salgados”, contou.

Cleide vende cada salgado, mais a bebida, a R$ 1. Por volta das 10h30, quando a equipe de reportagem esteve no T4, Cleide só tinha vendido 50 salgados enquanto normalmente vende 350 no mesmo período. A vendedora disse ainda que, em dois anos, nunca viu o terminal por tanto tempo sem passageiros.

A comerciante Maria Auxiliadora Figueiredo, 40, chegou ao T4 às 5h de terça e até 10h30 havia faturado apenas R$ 10 com a venda de bombons e refrigerantes. “Até essa hora eu já tinha feito uns 100 reais. Eu sabia da greve, mas não sabia se era de verdade, se eles iam parar mesmo. Nunca vi o terminal assim, vazio”, afirmou Maria.

Nos terminais, havia pouquíssimas pessoas, como vendedores, fiscais de ônibus e moradores de rua.