Comissão aprova incentivo para donos por reposição florestal

A Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural da Câmara dos Deputados aprovou proposta que dá incentivos fiscais e financeiros a possuidores de imóveis rurais, pessoas físicas e  jurídicas, que promovam  recuperação de nascentes e demais recursos hídricos em áreas ou bacias hidrográficas prioritárias. A proposta ainda será analisada pelas comissões de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; de Finanças e Tributação; e de Constituição, Justiça e  Cidadania.

Países discutem a segurança social na Floresta Amazônica

Brasil, Bolívia, Colômbia, Equador e Guiana estão  buscando o diálogo para fortalecer as iniciativas de conservação e ampliar os mecanismos de proteção social das comunidades que vivem e trabalham na Floresta Amazõnica, em encontro que vai até sexta-feira, em Brasília. O evento é promovido pelo Ministério do Meio Ambiente, com apoio da Organização Internacional do Trabalho (OIT), Conservation Internacional e Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). O diretor da organização para o Brasil, Peter Poschen, abriu o seminário falando dos desafios dos programas de inclusão social e conservação da Amazônia. “Não há solução mágica, não tem panaceia”, afirmou, referindo-se à redução das desigualdades sociais no bioma. Ele defendeu a adoção de um “piso socioambiental” que garanta a vida digna para quem vive no bioma. “Quem vive da floresta, vive mal”, analisou.  Segundo ele, os países amazônicos terão que buscar soluções adequadas a suas realidades, levando em conta a eficiência, eficácia e equidade.

Segurando ‘calamidade’ 1

Uma carta de 20 governadores que dizem estar em uma situação de colapso financeiro e fiscal foi divulgada, ontem,  apra pressionar o governo por medidas de socorro.

Segurando ‘calamidade’ 2

São basicamente Estados do Nordeste, Norte e Centro-Oeste do País que têm  dívidas baixas e, por isso, são pouco auxiliados com a repactuação desses débitos.

Procura-se defensor

A Defensoria Pública do Estado não encontrou um defensor e o notificou pelo Diário Oficial a tomar conhecimento da avaliação de seu estágio probatório.

Monitoramento telefônico

O Grupo de Combate ao Crime Organizado do Ministério Público do Estado adquiriu equipamento para monitorar telefones.

Contratos restabelecidos

O Estado restabeleceu os contratos para contenção nas orlas dos municípios de Guajará e Benjamim Constant.

Irregularidade apurada

A Secretaria de Estado de Segurança apura  irregularidades na aplicação de adiantamento de fundos.

Ibama no Amazonas

A advogada Karina Seffair de Castro foi nomeada superintendente do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis, no Estado do Amazonas (Ibama).

Assistência da Ufam

Levantamento do Portal G1 Nacional informou que  a Universidade Federal do Amazonas (Ufam) foi a instituição pública federal que mais destinou recursos para assistência estudantil entre 2013 e 2015.

Estratégia amazônica

O professor da Universidade Federal de Roraima  Cleber Batalha disse que o Congresso Nacional  está mais preocupado com seus próprios votos do que com uma estratégia econõmica e social para a Região Amazônica.

Recurso negado

O Tribunal Superior Eleitoral negou recurso do Ministério Público Eleitoral contra decisão do TRE, que julgou improcedente ação contra a eleição do senador Eduardo Braga (PMDB-AM).

Perdas de R$ 100 bilhões ao ano com a corrupção

O Brasil perde todos os anos com corrupção pouco mais de 2% do Produto Interno Bruto  – que é a soma dos bens e serviços produzidos pelo País. O valor, segundo presidente do Conselho Nacional de Controle Interno, Roberto Paulo Amoras , ultrapassa os R$ 100 bilhões.

Lula diz que está triste e que tem bons advogados

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse que está triste  com a aceitação pelo juiz Sérgio Moro da denúncia de que é o “comandante máximo do esquema de corrupção  na  Lava Jato, mas disse que confia na Justiça e vai “continuar lutando” pela democracia”.