Homem é encontrado com 17 facadas no Bairro da União

Laís Motta / portal@d24am.com


Manaus – Érico Eloy Santos Oliveira, 33, foi encontrado morto, com marcas de 17 facadas pelo corpo, na manhã desta quinta-feira (29), na zona centro-sul de Manaus. As informações são da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) e da 23 ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom).

Segundo o tenente da 23 ª Cicom, Moacir Strieder, Érico começou a ser golpeado com facadas na Travessa Pedro Carvalho, no Bairro da União. Ferido, ele foi arrastado para uma aérea de mata até um muro. O corpo de Érico foi novamente arrastado por debaixo do muro e deixado no local onde caiu o avião de pequeno porte e matou seis pessoas, no começo de dezembro.

A suspeita da equipe de investigação da DEHS é de que Érico Eloy fosse envolvido com o tráfico de drogas. O homem levou facadas tanto nas costas quanto na parte frontal de seu corpo.

A polícia acredita ainda que Érico foi morto por volta de 3 horas. O corpo só foi achado horas depois, por moradores. Segundo o tenente Strieder, a Polícia Militar foi acionada às 10h20, pelo 190.

Para retirar o corpo de Érico Eloy do local onde ele foi encontrado, foi preciso utilizar um lençol e ter o auxílio de moradores, devido ao difícil acesso. Para entrar no local exato onde Eloy foi morto foi feito através de um buraco no muro.

A DEHS vai investigar o caso.