UEA reduz vagas no vestibular por causa da crise financeira, afirma reitor

Manaus – Pela primeira vez, desde 2012, a Universidade do Estado do Amazonas (UEA) vai reduzir o número de vagas no vestibular da instituição, por causa da crise financeira do Estado, segundo informou o pró-reitor de graduação da UEA, Luciano Balbino. No edital de 2015, a universidade ofereceu 4.605 vagas. Em 2016 serão cerca de 1.300 vagas a menos, ao todo, serão 3.272 oportunidades de ingressar na UEA.

Desde 2012, conforme informou Balbino, a UEA estava ampliando em 30%, a cada ano, o número de vagas nos cursos especiais, que segundo a instituição representa os cursos tecnológicos e licenciaturas com menor duração, oferecidos especialmente para a necessidade de cada município.

Para o reitor da universidade, Cleinaldo Costa, seria uma imprudência oferecer novas vagas neste momento de crise econômica. A redução de 26% no número de vagas se refere, conforme o reitor, aos cursos especiais somente, que segundo ele, não são obrigatórios.

“Não temos noção de como será o orçamento da Universidade em 2017 e 2018, é que nós tivemos a prudência de não oferecer cursos especiais este ano. Essa é uma medida de prevenção de risco para que a UEA não se coloque em risco financeiro nos próximos dois anos”, disse.

Os 29 cursos especiais, conforme o reitor, vão ser mantidos até o seu encerramento, sem nenhum prejuízo. “O que não quer dizer que com a melhora da economia nós não possamos fazê-lo no vestibular de 2017”, informou.

De acordo com o pró-reitor, os cursos especiais são concentrados, em sua maioria no interior do Estado, porque a capital já detém os cursos regulares.

“Nossa atuação voltada para o interior é mais específica, e vai de encontro a necessidade daquele município, como os tecnólogos em produção pesqueira, construção naval. Este ano não planejamos uma oferta de um novo curso, porque ofertar um novo curso demanda contratação de professores e nós estamos impossibilitados de novas contratações”, exemplificou.

Investimento cursinhos

Na contramão da diminuição de vagas, a UEA também anunciou, nesta sexta-feira, que, o programa Pré-calouro – um cursinho preparatório online, gratuito para as provas da instituição – foi ampliado. No ano passado, quando o projeto foi lançado, apenas as matérias de língua portuguesa e matemática eram ministradas. Em 2016, a UEA acrescentou as disciplinas de física, química, biologia e redação.

“O programa já teve uma versão anterior chamado ‘Aprovar’, só que na época ele não era integrado com as mídias tecnológicas como hoje. O material didático era distribuído impresso em todas as escolas públicas do Estado, a novidade é que nós não temos a despesa com o papel e o aluno pode acessar a aula pela internet”, explicou o coordenador do programa, João Batista Gomes.

As aulas estão disponíveis no site da UEA, na página da instituição no YouTube e nas redes sociais.

Vestibular e SIS 2017

Este ano, as avaliações foram antecipadas para o mês de outubro. As inscrições poderão ser realizadas no site da UEA, no período de 4 a 31 de agosto deste ano.

A taxa de inscrição do vestibular será de R$ 50 e do SIS R$ 40. O candidato que necessitar de isenção do pagamento da taxa, segundo o órgão, deverá fazer o pedido formalmente, entre os dias 18 e 22 de julho deste ano. O resultado dos pedidos de isenção será divulgado no dia 4 de agosto. O edital foi disponibilizado no site da UEA (http://www3.uea.edu.br/).