Bom gosto: encontrando o móvel planejado perfeito

Para facilitar na hora de escolher a melhor opção, a arquiteta Mylena Bonfim ‘separou’ algumas dicas infalíveis que vão ajudar, e muito, na aquisição do mobiliário perfeito

Da Redação / plus@diarioam.com.br

Manaus – Cada vez mais os projetos arquitetônicos englobam móveis planejados e, claro, por serem fixos, precisam ter uma durabilidade ainda maior, mas sem perder o charme e o bom gosto. E para facilitar na hora de escolher a melhor opção, a arquiteta Mylena Bonfim ‘separou’ algumas dicas infalíveis que vão ajudar, e muito, na aquisição do mobiliário perfeito.

De acordo com a profissional, alguns itens devem ser observados durante a visita as lojas. “Questões como espessura da matéria-prima trabalhada, se a modulação é inteligente, ou seja, se consegue otimizar o espaço com uma modulação versátil e funcional, por exemplo, são algumas dicas importantíssimas”, comentou ela.

Na hora de mobiliar a casa com móvel planejado, é essencial a presença de um profissional que entenda as necessidades de cada ambiente (Foto: Divulgação)
Outro ponto observado por ela é na questão de cores e acabamentos. “O ideal é que a loja ofereça uma série de opções de colorações e acabamentos para que se encaixe perfeitamente em cada tipo de ambiente. Um detalhe muito importante, também, é garantir que em caso da presença de ferragens, se elas contam com freio para possíveis eventualidades”, explicou.

Sobre os armários, a profundidade deve ser olhada com mais cuidado. Isto porque os eletrodomésticos e eletroeletrônicos têm que ter a margem adequada para poder serem guardados. “Observe a altura máxima da modulação, se a empresa que você quer contratar já fez outras montagens, compare. Fique atento as alturas dos cabides e das gavetas”, salientou.

Ainda segundo Mylena, Manaus conta com uma grande variedade de marcas que vão de A a Z, dependendo do bolso e da disponibilidade de investir de cada pessoa. “Porém, é essencial a presença de um profissional que entenda as necessidades de cada ambiente e que possa ajudar a evitar transtornos futuros e também um gasto excessivo por conta de erros”, finalizou.