Concerto com trilha de ‘Harry Potter’ pretende emocionar fãs em Manaus

Por Isabelle Marques


Manaus – Conhecida por marcar uma geração, a saga do bruxo Harry Potter nos cinemas conta com características emblemáticas como a trilha sonora que será apresentada no concerto ‘Música no Castelo Mágico’ entre os dias 28 e 31 deste mês, no Teatro Amazonas. Quase tão esperada quanto a carta para Hogwarts pelos fãs de Harry Potter em Manaus, a apresentação conta com expectadores também na própria Orquestra Amazônica Filarmônica, que realizará o concerto.

“O sentimento é de entrar naquele universo”, conta a violinista a Orquestra, Antonina Minenkova, 24, que desde os 10 anos de idade é fã da série. Ela acredita que o público irá sentir a emoção vivida durante os filmes da saga.

“As primeiras notas da música tema que é a de ‘Hedwig’s Song’ já ‘derruba’ os fãs. Estava há três anos esperando isso e é como se fosse um sonho. Pra mim que está lá dentro é até como um desafio porque a vontade é pular da cadeira, chorar de emoção e ficar eufórica. Os fãs vão se emocionar”, disse a violinista.

Parte da ‘Série Encontro das Águas’, o concerto contará com trechos da trilha dos três primeiros filmes da saga composta por John Williams, além de composições integrantes da trilha sonora da animação Fantasia (1940) de Walt Disney.  Participarão do concerto o Grupo Vocal do Coral do Amazonas e Madrigal da Casa de Música Ivete Ibiapina.

O participante do Grupo Vocal do Coral do Amazonas, Hyago Ribeiro, 24, acredita que o evento será um ‘grande’ encontro com os fãs. “Fazemos parte na música Double Trouble, que é do terceiro filme, e é muito especial, porque quem é fã da série sabe como a trilha conta a história também”, disse.

“A gente vai ouvindo a música e o sentimento vem junto com todas as histórias do filme. Quem leu o livro vai ficar emocionado”, completou a também participante do coral, Melanie Silva, 30.

Sobre o repertório, o maestro regente da Amazonas Filarmônica, Marcelo de Jesus, conta que a trilha de John Williams é emblemática. Ainda segundo o maestro, como nos outros espetáculos da série, a Orquestra prevê elementos surpresas que fazem referência ao filme.

“As pessoas na hora vão reconhecer porque é uma trilha muito forte e ela tem uma personalidade muito característica do filme como o voo da coruja, o tema do ônibus, tema do Harry, enfim é uma trilha que, pra quem gosta do filme, temos uma reação imediata”, disse.

Proposta diferente

Desde o último ano, a série ‘Encontro das Águas’, apresenta concertos com músicas de trilhas sonoras de filmes da cultura geek – O Senhor dos Anéis e Star Wars – e de games. O maestro destaca que o sucesso do concerto tem acontecido principalmente na chamada de um público diferente ao Teatro.

“A gente quer mostrar que a música erudita não precisa ser chata, que as pessoas têm esse pré-conceito que é música de velho e a gente nem ouve, mas ouve o tempo inteiro”, afirmou.

Segundo ele, entre os próximos concertos estarão as trilhas sonoras do grupo ABBA em agosto, interpretada pelo Coral do Amazonas com o Balé Folclórico. Também no próximo mês, está programado o OCA Star, com um tributo a David Bowie.

“Em setembro, a gente encerra a série com o Musikstation Continue, que é como se a gente tivesse um pause do último que fizemos e agora continuar com outras trilhas e atrair um novo publico que é os gamers. Para este, gente está fazendo o retrô e o atual porque aquele (Musikstation 64) a  gente focou no meio do caminho”, completou.