‘Duetos Populares’ apresenta Imbaúba e Os Tucumanus no palco do Teatro Amazonas

Manuella Barros / Diário do Amazonas


Manaus – Nesta quarta-feira (5), as portas do Teatro Amazonas, que completa 120 anos em 2016, abrirão às 19h, para receber o público em uma nova edição do projeto ‘Duetos Populares’, com acesso gratuito. No palco, as bandas Imbaúba e Os Tucumanus exibirão um show autoral de 40 minutos, cada.

Formado por Celdo Braga, Rosivaldo Cordeiro, João Paulo Ribeiro, Roberto Lima e Sofia Amoedo, a primeira atração será o grupo Imbaúba, que cantará a floresta, o rio e a vivência do caboclo em composições que vão se misturar a poesias em um trabalho instrumental. Entre as canções do repertório estão ‘ Amazonas Moreno’, ‘Canto da Floresta’, ‘Caminhos de Rio’, ‘Cuidar da Terra’ e ‘Água Doce’.

Em seguida, será a vez dos Tucumanus, que apresentarão o show #10anostucumanus, com direito a uma produção artística assinada por Carol Caldeiraro e Marcos Tubarão. A apresentação será registrada pelas equipes da La Xunga Produções e 602 Filmes.

Segundo o guitarrista Denilson Novo, o show contará com a participação especial de Celdo Braga e do percussionista Igor Brasil. “Tocar no Teatro Amazonas é sempre muito especial, será maravilhoso. É uma honra apresentar o show de dez anos da banda, com uma produção diferenciada, naquele palco”, afirmou o músico. “Teremos a oportunidade de apresentar algo além de um show musical. Vai ser uma verdadeira viagem ao universo dos Tucumanus em uma leitura peculiar sobre a realidade do ser que habita uma região que o mundo inteiro fala, mas não ouve. Poesia, videoartes e performances vão ser alguns dos artifícios que utilizaremos para contar um pouco da nossa história nesses 10 anos”.

No setlist da noite estão confirmadas canções como ‘Churrasco de Gato’, ‘Palafitas’, ‘Ponta Negra’, ‘Carapuça’ e ‘Até o Sol Sair’.

Trajetória

Além de Denilson Novo, a Tucumanus conta com Clóvis Rodrigues (voz e efeitos percussivos), Samuel Pinheiro (guitarra e voz), Mário Ruy (baixo e voz) e Matheus Simões (bateria e voz) e comemora a década de carreira desde setembro, com intervenções artísticas em diferentes lugares da cidade para estimular a interatividade entre o grupo e público.

O próximo passo da banda é lançar o single de ‘Até o Sol Sair’, gravado no estúdio Júpiter, com engenharia de áudio de Armando Mendes e masterização na Espanha, no Mastering Mason Studio.

Os Tucumanus foram citados, duas vezes, pela série sonora ‘Brasil Music Exchange’, do ‘The Guardian Music Podcast’, projeto do jornal britânico de mesmo nome. Na oitava edição, dedicada ao Norte brasileiro, a série destacou a música ‘Chuveiro Natural’.