Projeto Teatralidades promove rodas de conversa sobre o mercado local

Com informações de assessoria / portal@d24am.com


Manaus – A partir desta terça-feira (22), o Teatro da Instalação (Rua Frei José dos Inocentes, Centro) e o Museu Casa Eduardo Ribeiro (Rua José Clemente, 322, Centro) recebem a segunda edição do Projeto Teatralidades. Até sexta-feira (25), das 9h às 14h, o evento se desenvolve em dois contextos, o informativo e o artístico, e reúne alunos e egressos do Liceu de Artes e Ofícios Claudio Santoro.

Além das rodas de conversa, apresentações teatrais, performances, shows musicais e narração de histórias também fazem parte da programação, segundo o coordenador do Projeto e do Núcleo de Teatro do Liceu, Tiago Oliveira.

“Mais do que uma apresentação dos alunos do curso de Teatro, esse projeto é um verdadeiro encontro. A nossa ideia principal é trazer uma perspectiva de futuro para eles, trazendo profissionais do ramo para as rodas de conversa”, disse o coordenador. “Eu vejo que esse contato com os profissionais só engrandece o processo de formação artístico-pedagógico dos alunos, que, muitas vezes, não têm uma perspectiva do mercado profissional”.

O coordenador, que também é ex-aluno do Liceu, participou da primeira turma do núcleo do Sambódromo, em 2002, e formou-se na Universidade do Estado do amazonas (UEA), também na primeira turma de Teatro, em 2010.

Nos quatro dias de apresentações da segunda edição do Projeto Teatralidades, a entrada está liberada e a classificação também é livre.

Participações especiais

Durante as rodas de conversa, que acontecem sempre após as apresentações teatrais, os alunos do Liceu de Artes e Ofícios Claudio Santoro e o público presente têm a oportunidade de participar das vivências artísticas de profissionais convidados para a Mostra. Um destes é o cineasta, ator e escritor Benni Sales, que apresentará o seu trabalho, além de partilhar um pouco da carreira profissional.

Outra convidada é a coordenadora do curso de Teatro da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), Annie Martins, que já foi aluna do Liceu Claudio Santoro. Já o Grupo de Teatro Criaté, formado por Camila Duarte, Clayson Charles, Sininho Mendes, também ex-alunos do Liceu, apresenta um Processo Criativo – PC, encenação proposta pelo professor e desenvolvida pelos alunos -, além de participar dos diálogos.

Em comemoração ao Dia do Músico, celebrado hoje, o Museu Casa Eduardo Ribeiro recebe o Sarau Amazônico, apresentado pela Orquestra de Violões do Amazonas.