Suframa confirma vinda de Bolsonaro ao Amazonas, em abril

De acordo com o superintendente da autarquia, Alfredo Menezes, na pré-agenda do presidente da República consta visita as empresas Samsung e Moto Honda da Amazônia

Agência Imediato / redacao@diarioam.com.br

Manaus – O titular da Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa), coronel reformado Alfredo Menezes, afirmou, durante coletiva, na tarde desta sexta-feira (8), na sede da autarquia, no Distrito Industrial, que o presidente da República, Jair Bolsonaro, deve desembarcar em Manaus, no dia 9 de abril, por volta das 9h30, para cumprir agenda no Polo Industrial de Manaus (PIM) e conhecer as etapas do processo produtivo do centro industrial.

De acordo com o superintendente, Bolsonaro deverá visitar as empresas Samsung e Moto Honda da Amazônia. Esta será a primeira vez que o ex-capitão do Exército visitará a capital do Amazonas enquanto presidente do Brasil. Alfredo Menezes ressaltou, ainda, que o objetivo junto ao governo federal é reduzir o prazo para o cumprimento da lei sobre a execução dos Processos Produtivos Básicos (PPBs). Até hoje, os processos estão muito demorados e atrapalham a chegada de novas industrias no Estado.

A ideia inicial era que o presidente Bolsonaro participasse da primeira reunião do Conselho de Administração da Suframa (CAS), em 2019, mas não há uma definição sobre os membros do órgão de deliberação da autarquia, que é constituído por representantes de vários ministérios e dos governos de toda a Amazônia Ocidental, dentre outros membros.

Conforme o superintendente, há um compromisso do ministro de Produtividade, Emprego e Competitividade, Carlos Alexandre da Costa, de nos próximos 30/40 dias, também vir a Manaus para trazer novidades com o intuito de destravar uma ‘boa porta’ desse processo em relação aos PPBs que são estratégicos para o PIM.

“O ministério recebe de uma maneira muito positiva essa preocupação que nós temos de dar celeridade à parte dos PPBs, porque isso impacta diretamente na nossa produtividade e, também, na competitividade dos nossos produtos aqui na região”, declarou Alfredo Menezes.

O anúncio foi feito pelo superintendente da Suframa, durante coletiva, na tarde desta sexta-feira (8) (Foto: Layana Rios/Suframa)