Casal suspeito de assaltar e esfaquear taxista é preso no bairro Cachoeirinha

Carla Albuquerque/Diário do Amazonas


Manaus – O casal de feirantes Josinaldo Teixeira Barbosa, 24, e Ane Caroline Gomes Ferreira, 26, foram presos, na madrugada desta terça-feira (15), na avenida Carvalho Leal, bairro Cachoeirinha, zona sul de Manaus, suspeitos de assaltar e tentar assassinar a facadas o taxista Raimundo Francisco Viana, 60, na tarde da última segunda-feira (14), segundo informações que constam no inquérito policial, registrado no 1º Distrito Integrado de Polícia (DIP).

Conforme informações do inquérito, o casal foi preso por volta de 1h, em uma parada de ônibus. Eles foram identificados por outro taxista, que passou pelo local e informou aos policiais da 1º Companhia Interativa Comunitária (Cicom). A suspeita, segundo a polícia, é que eles estavam a procura de outra vítima.

Consta no documento que quando os policiais chegaram ao local, Josinaldo estava com uma faca, mas tentou jogar o instrumento quando viu a aproximação da polícia.

O casal foi detido e levado ao 1º DIP, onde foi reconhecido por testemunhas como os suspeitos de terem esfaqueado o taxista, na tarde de segunda-feira, no bairro Petrópolis, durante um assalto.

Interrogados pela polícia sobre o crime, o casal preferiu ficar em silêncio. Eles foram autuados por tentativa de homicídio e até a publicação desta matéria, eles ainda estavam prestando esclarecimentos no DIP.

Caso

O taxista Raimundo Francisco Viana, 60, foi esfaqueado, na tarde desta segunda-feira (14), durante um assalto, na rua Nova Olinda, bairro Petrópolis, zona sul de Manaus, por duas pessoas que se passaram por passageiras. O casal, que estava dentro do táxi, fugiu do local levando dinheiro, o celular e a chave do carro da vítima, conforme informações de policiais militares da 3ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom).

O taxista foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), e levado ao HPS 28 de Agosto, na zona centro-sul, onde permanece internado. Ele não precisou passar por cirurgia, apenas teve os golpes costurados e está em observação na unidade de saúde. O caso foi registrado no 3º Distrito Integrado de Polícia (DIP).

Comentários via Facebook