Amazonas conquista três medalhas no primeiro dia de competições do JEJs

A delegação do Amazonas é composta, neste primeiro momento, por 41 participantes e a competição será realizada até o dia 25 de novembro, em Natal (RN)

Da Redação / redacao@diarioam.com.br

Manaus – Os Jogos Escolares da Juventude (JEJs) já começaram e o Amazonas deu início à demarcação de território neste primeiro dia de competições. Ao todo, nesta terça-feira (13), foram três medalhas conquistadas pela equipe amazonense: uma de prata e duas de bronze, ‘arrematadas’ nas modalidades natação e tênis de mesa. A delegação do Amazonas é composta, neste primeiro momento, por 41 participantes e a competição será realizada até o dia 25 de novembro, em Natal (RN).

Abrindo a contagem de medalhas para o Amazonas, o atleta Caio Arcos, 14, garantiu o terceiro lugar, pela natação, na prova de 100 metros costas. Aluno do Colégio Militar da Polícia Militar 4 – Áurea Pinheiro Braga, Caio conseguiu uma vaga na seleção brasileira este ano e representou o Brasil na Copa Pacífico 2018, que aconteceu em setembro, no Equador. Para ele, este bronze do JEJs lhe trouxe muita alegria.

O atleta Caio Arcos, de 14 anos, garantiu o terceiro lugar, pela natação, na prova de 100 metros costas (Foto: Mauro Neto/Sejel)

“Eu treino natação desde 2013 e venho me dedicando bastante. Consegui a medalha com o tempo de 1’05” (um minuto e cinco segundos), mas eu esperava fazer 1’03”, mas que bom que consegui medalhar. Ainda vou competir o revezamento medley e os 50 metros costas. Para essas provas, minha expectativa é diminuir meu tempo e, claro, conquistar mais medalhas”, disse.

De acordo com o oficial da delegação amazonense, Mike Moraes, Caio é um dos nomes que começa a escrever a história do Estado no evento, ao conquistar a primeira medalha da competição. “O JEJs inicia com as modalidades: ginástica rítmica, tênis de mesa, xadrez, vôlei de praia e natação. Nosso atleta já marcou território e demos largada na contagem das conquistas do Amazonas. Nós temos atletas fortes, que irão brigar ao máximo para estar nos melhores lugares ao pódio e não tenho dúvidas de que teremos muitas conquistas até o fim fo evento”, destacou.

Os jogos, que são realizados pelo Comitê Olímpico Brasileiro (COB), reúnem em 2018, pela primeira vez em uma mesma edição, os atletas de 12 a 14 anos e de 15 a 17 anos na mesma fase nacional. Este ano, o JEJs é o maior já registrado, com 5.038 atletas dos 26 Estados brasileiros e do Distrito Federal, representando, então, 2.153 entidades educacionais. A etapa nacional, que segue até o dia 25 deste mês, terá 14 modalidades em disputa, dentre elas basquete, futsal, handebol, vôlei, atletismo, badminton, ciclismo, ginástica rítmica, judô, natação, tênis de mesa, vôlei de praia (apenas na categoria 15 a 17 anos), xadrez e wrestling.