Bibiano Fernandes prepara ‘máquina’ para trilogia no Japão

Em contagem regressiva para ter a sua revanche contra filipino, manauara segue em reta final de preparação, agora, nos Estados Unidos. Recordistas de defesas de cinturão, ele volta ao cage no dia 31

Natasha Pinto / vencer@diarioam.com.br

Manaus – O lutador amazonense Bibiano ‘The Flash’ Fernandes (22 -4 -0), não está medindo esforços para recuperar o cinturão da categoria peso-galo (até 61kg) do One Championship. Ele terá o terceiro encontro com o filipino Kevin ‘The Silencer’ Belignon (20-5-0), no dia 31 deste mês, em Tóquio, Japão, no evento batizado de ‘A new era’ (uma nova era, em português) pela organização asiática One Championship.

Bibiano foi o detentor do cinturão da categoria durante cinco anos e é o atual recordista em defesas de cinturão consecutivas (oito). Em contagem regressiva para ir para embarcar para o ‘templo sagrado da luta’, Bibiano viajou para os Estados Unidos, para potencializar seu treinamento na principal fase: o fortalecimento do corpo.

“Estou trabalhando tanto a parte física quanto a técnica. Essa com certeza é a principal etapa do treinamento, pois é aqui que estou treinando meu corpo para aguentar os golpes, e, também, como aplicá-los com a máxima eficiência”, disse o manauara que é cria do bairro Coroado, na zona leste da capital.

O amazonense explicou que os treinos se dividem em resistência e explosão, além do trabalho técnico nas artes marciais. “Nós estamos fazendo um trabalho de aeróbico muito forte. Com corridas, corda e outras coisas. Também estou fazendo muita musculação, com o foco na explosão. Tudo voltado para os movimentos da luta”, contou. “Além disso, treino as minhas artes marciais como jiu-jítsu, wrestling, boxe e muay thai junto com o treinamento mental, que conta muito na hora do combate”, explicou.

Segundo combate entre os dois lutadores teve o resultado questionável pelos fãs do MMA (Foto: OneChapionship/Divulgação)

De acordo com o Bibiano, esta também é parte mais perigosa da preparação. Com treinos de alta intensidade é normal os atletas se lesionem nesse período. Sabendo disso, Fernandes conta que também faz um trabalho de prevenção de lesões.

“É comum os atletas se machucarem nesse período. Minha equipe sabe disso e por isso estamos fazendo um trabalho para preveni-las. Às vezes, sinto uma dor aqui, outra ali, mas logo tratamos. Esse risco também faz parte da preparação”, confessou.

O amazonense geralmente treina no Canadá, onde reside. Mas recebeu um convite para fazer um ‘Camp’ nos Estados Unidos, de duas semanas, para se preparar especialmente para a luta.
“Toda ajuda para que eu conquiste meu objetivo é bem-vinda. Saio exausto sempre, mas eu gosto de treinar duro. Eu sinceramente não esperava que fosse treinar tão pesado. Com certeza vou obter frutos deste treinamento”, revelou.

Distante da família e de amigos, Bibiano encontra nas redes sociais, principalmente de seus fãs brasileiros, a força para treinar ainda mais para a luta do fim do mês. “Ficar longe da família nunca é fácil. Mas Graças a Deus, tenho fãs que sempre me mandam mensagem, mandando boas energias e dizendo que já compraram o ingresso para me assistir. Poder sentir a empolgação deles, com certeza me dá um ‘gás’”, finalizou.