Classificado, Iranduba pega o Audax, em casa, de olho em vantagem

Equipe com melhor campanha no Brasileiro Feminino, Hulk quer manter o ‘status’ para ter a vantagem de decidir em casa no mata-mata

Diogo Rocha/contato@jornaldezminutos.com.br

Foto:Michael Dantas/AllSports Divulgação

Manaus – Líder do Campeonato Brasileiro Feminino deste ano, o Iranduba da Amazônia já está garantido na segunda fase da divisão e nos quatro últimos jogos restantes da etapa inicial traçou a estratégia para ‘facilitar’ o caminho para a conquista do título inédito. Após derrotar, por 1 a 0, o Grêmio-RS, fora de casa, o Hulk recebe o Audax-SP, nesta quarta-feira, às 20h, na Arena da Amazônia, em Manaus, para defender a liderança do Grupo 1.

Se vencer novamente o Audax, como no jogo de ida quando o Iranduba goleou por 6 a 2 o time paulista, em Osasco (SP), a equipe do Verdão ganhará pontos que darão vantagem técnica no futuro. Pelo regulamento do Brasileiro, o clube que tiver maior pontuação, número de vitórias ou saldo de gols na soma das duas primeiras fases da divisão terá o direito de jogar em casa nos jogos de volta das semifinais e final.

Mas no caso do Iranduba, o desempenho tanto longe quanto dentro dos próprios domínios (Estádio da Colina e Arena da Amazônia) tem sido, praticamente, irretocável. Na classificação geral da primeira fase, o Verdão está em primeiro lugar entre os 16 times, que são divididos em dois grupos com oito equipes.

Em 11 jogos do Brasileirão, o Hulk da Amazônia triunfou em dez partidas e sofreu apenas uma derrota, por 1 a 0, para o vice-líder Corinthians-SP, maior concorrente direto do clube amazonense na chave.  Mas o único revés do Verdão na competição em nada prejudicou o status da equipe. Com 30 pontos, o Iranduba tem dois pontos a mais que o próprio Timão e os dois líderes do Grupo 2, Rio Preto-SP e Santos-SP, que também estão classificados antecipadamente para segunda fase.

Caso o Iranduba mantenha o retrospecto dos jogos de ida e vença os confrontos restantes, diante do Audax, hoje, e depois São Francisco-BA, na próxima quarta-feira (24), e o Kindermann-SC, no 31 deste mês, a equipe do Amazonas fechará a etapa com a melhor campanha do Brasileiro. E com o Hulk terminando em primeiro lugar no Grupo 1, enfrentará, provavelmente, o Flamengo ou Ferroviária-SP, que atualmente ocupam o terceiro e quarto lugares do Grupo 2, respectivamente, em jogos de ida e volta, para tentar avançar às semifinais, o que seria um feito inédito para o time amazonense.