Exames descartam lesão e garantem escalação de Miranda para Copa América Centenário

Miranda vai permanecer na Copa América Centenário. Depois de abandonar o treino da última quarta-feira (1º) por causa de dores musculares, o zagueiro foi submetido a exames de imagem que não detectaram uma lesão que justificasse o corte da competição. Com isso, o jogador não será desconvocado, mas continuará o tratamento com os fisioterapeutas Odir de Souza e Carlos Alberto Presinoti.

A realização de tratamento indica que o zagueiro não tem presença confirmada na estreia da seleção na Copa América Centenário, sábado (4), diante do Equador. Marquinhos poderá ser escalado em seu lugar para atuar ao lado de Gil.

Havia grande preocupação da comissão técnica com a situação de Miranda após o treino de ontem. O jogador deixou o treino no StubHub Center cabisbaixo. Ao todo, a seleção já sofreu cinco cortes por razões físicas (Ricardo Oliveira, que nem se apresentou, Douglas Costa, Rafinha, Ederson, Kaká) e outro por problemas pessoais (Luiz Gustavo).

Após 11 dias de trabalho nos Estados Unidos, Dunga ainda não conseguiu contar com o grupo completo. Paulo Henrique Ganso, chamado para a vaga do jogador Kaká, vai se apresentar nesta sexta-feira (3). Walace, do Grêmio, vai substituir Luiz Gustavo.