Líder, Princesa pega Nacional na Arena da Amazônia

Isolado na ponta da tabela de classificação, com nove pontos, nova vitória pode dar classificação virtual para equipe de Manacapuru para a fase mata-mata do torneio Estadual

Natasha Pinto / redacao@diarioam.com.br

Manaus – Com um aproveitamento de 100% e líder do Campeonato Amazonense, o Princesa do Solimões busca sua quarta vitória consecutiva no torneio diante do Nacional, nesta quarta-feira (20), às 20h, na Arena da Amazônia, zona centro-sul da capital, em partida válida pela quarta rodada do Estadual.

Dos 29 gols marcados após as três primeiras rodadas do Estadual, a equipe de Manacapuru marcou nove. A artilharia também é do alvirrubro amazonense. O atacante Thiaguinho, dono da camisa 7, é a grande esperança de gols para o compromisso de hoje. Em campo, o jogador marcou gol em todas as partidas da equipe na competição.

As seguidas boas atuações do Princesa do Solimões faz com que um certo ‘oba-oba’ seja criado. E para evitar qualquer clima de já ganhou nos vestiários do clube, o técnico Marcos Piter revelou que tem tido várias conversas com a equipe para afinar o entrosamento e, assim, superar as adversidades da competição.

“Estamos felizes com o nosso desempenho. Realmente foi uma surpresa essa sequência de vitórias. Sempre conversamos que o Amazonense é um torneio difícil, ainda mais por sermos uma equipe jovem”, disse que aposta no entrosamento para sair de campo com os três pontos. “Acredito que, neste jogo, nosso entrosamento já será o ideal.

Afinal, nosso sistema de jogo é o coletivo. Vamos entrar em campo em busca de mais uma vitória, que praticamente nos garante na semifinal, que é a nossa primeira meta”, explicou.

Time do Princesa do Solimões aposta no entrosamento por vaga antecipada (Foto: Thiago Lemos/Princesa do Solimões)

Recomeço

Esta rodada marca também o recomeço para o Fast Clube. Sob o comando do novo técnico, Vladimir de Jesus, o Rolo Compressor encara o lanterna Sul América, nesta quarta, às 20h, no Estádio Ismael Benigno, a Colina, zona oeste da cidade.

Escolhido para substituir o português Paulo Morgado, — demitido ao ser eliminado na Copa do Brasil pelo Oeste-SP com uma derrota por 6 a 1—, Vladimir vem de um trabalho irregular no São Raimundo-PA. Na antiga equipe, o treinador entregou o cargo após três jogos, sendo duas derrotas e um empate. Na época, abandonou a equipe quando era o lanterna do Grupo A2.

No complemento da rodada, ainda nesta quarta, o Iranduba encara o Penarol, às 18h, no Estádio Ismael Benigno, a Colina, Oeste de Manaus. Ambas as equipes demitiram seus técnicos por conta dos resultados da última rodada.
Após duas derrotas e um empate, o alviverde irandubense entrou em acordo com o Fernando Lage, que entregou, na tarde de ontem, o cargo para a diretoria.

O clube não divulgou quem será o técnico interino para a partida. Já o Leão da Velha Serpa trocou, na segunda-feira, Walter Lima por Adinamar Abib, técnico dos dois títulos estaduais do clube.