Mendoza e Romero brilharam nos últimos Corinthians x Linense

Estadão / Diário do Amazonas

Foto: Daniel Augusto Jr|Agência Corinthians

Rio de Janeiro – Desde 2011, Corinthians e Linense se enfrentam pelo menos uma vez no Campeonato Paulista com larga vantagem da equipe alvinegra. Nos últimos dois compromissos, dois estrangeiros que estão no atual elenco fizeram a diferença e comandaram as vitórias sobre a equipe de Lins, casos de Romero e Stiven Mendoza.

No ano passado, o técnico Tite resolveu poupar os titulares visando a disputa da Copa Libertadores e com os reservas goleou o Linense por 4 a 0, na Arena Corinthians, com dois gols de Romero, um de Balbuena e outro de Edilson, lateral-direito que está no Grêmio.

Dos 13 atletas que atuaram naquela partida, nove estão no Corinthians, mas apenas dois devem atuar nesta quarta, casos de Cássio e Balbuena. Os outros são Romero, Vilson, Guilherme Arana, Cristian, Rodriguinho e Danilo.

Romero deve ser desfalque nesta quarta-feira, porque defendeu a seleção do Paraguai contra o Brasil, na terça-feira, na Arena Corinthians. Vilson e Danilo se recuperam de lesão. Guilherme Arana deve ser poupado, por causa de uma pancada no tornozelo, enquanto Cristian foi afastado do elenco principal.

O time do Corinthians foi Cássio; Edílson, Vilson, Balbuena e Guilherme Arana; Willians (Cristian), Romero, Rodriguinho, Alan Mineiro (Maycon) e Danilo; André (Claudinho)

Já em 2015, o Corinthians venceu por 2 a 0, gols de Mendoza e Petros com um time misto e que tem apenas Cássio, Fagner e Mendoza no atual elenco. Também com Tite, a equipe foi a campo com Cássio; Fagner, Felipe (Edu Dracena), Gil e Uendel; Ralf; Petros, Elias (Malcom), Renato Augusto e Mendoza; Vagner Love (Guerrero).

Mendoza faz parte do grupo de Fábio Carille, mas não foi inscrito no Campeonato Paulista e nem foi utilizado na temporada. O jogador estava na lista dos negociáveis no início da temporada, mas não conseguiu acertar com outro clube.