Palmeirenses acreditam em goleada que só aconteceu uma vez no Paulistão

Para avançar à final de maneira direta, clube alviverde precisa vencer por quatro gols de diferença

Estadão/Diário do Amazonas

Foto: Cesar Greco/Ag Palmeiras

São Paulo – Para chegar às finais do Campeonato Paulista, o Palmeiras precisa vencer a Ponte Preta por quatro gols de diferença no tempo normal do jogo do próximo sábado, algo que só fez uma vez ao longo de 15 jogos do torneio. A vitória aconteceu diante do Linense, por 4 a 0, no dia 19 de fevereiro, em Lins.

“Perdemos nos oito minutos (quando a Ponte marcou dois gols). Tomar dois gols em oito minutos numa semifinal é outro jogo. Cabe a nós a capacidade de reverter em casa. Temos totais condições. Deixa eles comemorarem. Em casa é outro jogo”, afirmou o atacante Alecsandro, que substituiu Borja na segunda etapa da derrota do último domingo no Moisés Lucarelli.

A segunda opção para se classificar é vencer por três gols de diferença e levar a decisão para os pênaltis. Este placar aconteceu três vezes, diante da Ferroviária (4 a 1), São Paulo (3 a 0) e Novorizontino (3 a 0). “Da mesma forma que eles fizeram o resultado aqui, podemos fazer em casa também”, declarou o volante Felipe Melo.

O Palmeiras terá apenas três dias de preparação até o jogo decisivo, que será realizado no sábado, no Allianz Parque. O elenco terá folgas nesta segunda-feira e também na terça-feira. A comissão técnica já havia decidido dar um descanso prolongado para os atletas depois da vitória sobre o Peñarol, na última quarta-feira, conquistada aos 54 minutos do segundo tempo, pela Copa Libertadores. A equipe se reapresenta na quarta-feira.

Comentários via Facebook