Só TV Brasil transmitirá jogos da Seleção; Pelé vai comentar

Único canal aberto a exibir os amistosos da equipe nacional, contra Austrália e Argentina, nos dias 9 e 13 de junho, em Melbourne, será a emissora pública. Globo e CBF não chegaram a um acordo

Agência Estado/contato@jornaldezminutos.com.br

Foto: Lucas Figueiredo/Divulgação CBF

São Paulo – Principal emissora do País e parceira histórica da Confederação Brasileira de Futebol, a Rede Globo não transmitirá os dois amistosos do Brasil diante de Argentina e Austrália, respectivamente nos dias 9 e 13 de junho, em Melbourne, na Austrália. As duas partes não chegaram a um acordo e a entidade decidiu gerar as imagens por conta própria, comprando espaço na TV Brasil para transmitir os jogos em canal aberto. Pelé será o comentarista nas duas partidas.

A informação foi publicada na edição de ontem do jornal Folha de S.Paulo. A CBF não se manifestou oficialmente sobre o assunto até o fechamento desta edição, mas a Rede Globo confirmou que não transmitirá as partidas.

Por meio de nota, o departamento de comunicação da emissora informou que deixará de transmitir os amistosos do próximo mês e não deixou claro se voltará a fazê-lo, nas demais partidas preparatórias à Copa do Mundo do próximo ano – a emissora detém os direitos das atuais Eliminatórias.

“A CBF tinha planos de negociar os direitos dos amistosos e das Eliminatórias da Copa de 2022 na forma de bid (leilão fechado). Recentemente, decidiu vender os dois jogos amistosos de junho de forma avulsa e, embora não acreditemos que esta seja a melhor solução para todas as partes, tentamos negociar, mas não chegamos a um acordo”, declarou a emissora, em trecho da nota divulgada ontem.

Na história recente, a emissora só deixou de transmitir uma partida, diante dos Estados Unidos, em 2010, em jogo que marcou a estreia de Mano Menezes como técnico do Brasil.

Segundo o site UolEsporte, o acordo por partida será de R$ 15 mil. Além da TV Brasil, a CBF negocia com a Band. A entidade estuda fechar com a empresa de telefonia Vivo, para transmitir os confrontos por celular.

No último dia 19, quando o técnico Tite convocou os 24 jogadores para os dois amistosos, a entidade já dava mostras do interesse em trabalhar em um novo modelo de transmissão. A convocação teve a cobertura da Agência Radioweb, que congrega mais de 2.200 emissoras de rádio do País. Depois, o treinador concedeu entrevista por meio de uma transmissão ao vivo pelo Facebook.

Alternativa

A CBF deverá usar as partidas do próximo mês como laboratório para um novo modelo de transmissão das partidas. A ideia é atender às mais variadas plataformas e não apenas a TV aberta.