Vasco decide ser cauteloso diante do Coxa, no Rio

Técnico Zé Ricardo evita se empolgar com as três últimas vitórias do Cruz-Maltino. Jogo será, hoje, no Maracanã

Rio de Janeiro – A terceira vitória consecutiva no Brasileiro, sobre o Atlético-GO, na última quarta-feira, em Goiânia, não entusiasmou o Vasco. Para enfrentar o Coritiba, hoje, às 15h (de Manaus), no Maracanã, no Rio de Janeiro, em jogo isolado pela 30ª rodada, o Cruz-Maltino será cauteloso.

Depois de cumprir suspensão, volante Jean recupera titularidade no lugar de Bruno Paulista para pegar o Coritiba (Foto: Paulo Fernandes/Vasco)

É, ao menos, o que garante o técnico Zé Ricardo. Mesmo após os triunfos sobre Atlético-GO, Botafogo e Avaí e diante de um rival que vive momento difícil, ocupando apenas a 18ª e antepenúltima posição, com 31 pontos, o treinador elogia o Coxa e cobra que o Vasco não seja surpreendido.

“A sequência é importante pela condição que deu para a gente, mas não podemos nos acomodar”, alertou o treinador. “O Coritiba vem de uma sequência difícil, mas é uma equipe que joga para frente, tem feito bons jogos. Contra o Corinthians jogou de uma forma corajosa”, analisou.

Precavido, Zé Ricardo minimiza também a possibilidade do Vasco entrar, hoje, no G-7, grupo dos sete primeiros que garante uma vaga na Copa Libertadores. A equipe está em oitavo, com 42 pontos, dois atrás do Botafogo.

“A gente não traça objetivos a longo prazo, mas partida a partida. Vamos conquistar os pontos para conquistar coisas boas lá para frente”, disse.

Apesar da cautela, as notícias são favoráveis para o duelo: Anderson Martins se recuperou de uma pancada e está confirmado, enquanto que o volante Jean retorna após cumprir suspensão e vai atuar no lugar de Bruno Paulista.